Pular para o conteúdo principal

O Balanço

Neste período do ano aproveitamos o máximo possível do nosso tempo livre para estar ao aberto e numa das tantas ocasiões brincando no parque surgiram estes versos que aqui também ficam registrados para da nossa Primavera assim recordar:


Sobe e desce meu  balanço
Num céu claro e radiante
Eu contigo a balançar
Pra cima e pra baixo
Alegre  brincando 

Sem vontade de parar
La,la,la...  
Empurra,empurra
Minha mãezinha 
Não deixe de empurrar
Neste sonho colorido
Que vai e que vem
Nossa vida a enfeitar!

-------------------------------------------Desde já desejando um Feliz Dia das Mães a minha mãe querida e a todas as mães!

Comentários

✿ chica disse…
Linda poesia e adoro balanços também! Tens mesmo que curtir o bom tempo por aí! beijos, pra ti e tua mãe também feliz dia das mães! chica
Luma Rosa disse…
Oi, Bergilde!!
Os dias estão alegres e festivos por ai!!
Feliz dia das mães para você também!!
Beijus,
Jota Sena disse…
Olá Bergilde!

Mãe e filhos a brincar, são registros que ficam para sempre na memoria dos filhos; que tem o previligio de ter uma mãe amiga e companheira em todos os momentos da vida...e bem sei, que os teus filhotes adorados, tem o modelo de mãe que todas as crianças deveriam ter.

Bergilde um bom final de semana para você e aos seus.

Abraços e ate mais.
LUZ disse…
Oi, querida Bergilde!

Tudo bem? Seus filhotes?

Hoje, se celebra, aqui, em Portugal, o Dia da Mãe, que sei que já se celebrou no Brasil. Os meus parabéns para todas as mães do mundo.

Voltei a postar, num dos meus blogs, "Luzes e Luares", após uma interrupção, por motivos profissionais. Passe lá. Terei muito gosto em sua visita. Obrigada!

Li seu texto, em que fazia o balanço de suas atividades. Perfeito. Acho que, pelo menos, uma vez por ano, o devemos fazer, e jogar fora, aquilo que já não presta.
Ano novo, vida nova.

Bom domingo.
Beijos da Luz.
Élys disse…
Uma poesia encantadora surgida em um momento de descontração brincando com o filho. Gostei muito.Abraços.
Anne Lieri disse…
Mais lindo,impossivel!Quanta ternura nessa poesia!Adorei,amiga!bjs e boa semana!
Todos os momentos são bons para viver a beleza da Natureza. O contacto com o verde das plantas ou o esvoaçar das aves e das borboletas faz-nos sonhar e reviver outros tempos.
A nossa infância junto da nossa mãe.
Só mesmo os nossos filhos farão a balança equilibrar-se, suavizando tantas emoções.

Um beijo a todas as mães
✿ chica disse…
Obrigadão pelos carinhos e estão aproveitando o calorzinho? Curtam bem! beijos,chica
De quando eu era criança, o balanço, pendurado no cajueiro do quintal, é do que mais gostava, mais do que os do Parque da Criança. Embalar meu filho em balanços, foi dos maiores prazeres meus.
Quando o tempo apraz, melhor ainda!
Belos versos, amiga, beijos,
da Lúcia

Olá, Bergilde
Hoje é a minha vez de vir desejar um feliz Dia das Mães, que, creio, se comemora amanhã, aí na Itália, a exemplo do que acontece no Brasil.
O seu texto é muito ternurento, como sempre. Os filhos são a nossa maior alegria, e todos os momentos que possamos viver com eles são marcas que ficam para toda a vida.

Obrigada por seu carinho.

Beijos com carinho.
Georgia Aegerter disse…
Bergilde querida, passando para te desejar um feliz di das maes, junto a tua linda familia.

Bjos
Anne Lieri disse…
Oi Bergilde!Vim reler sua poesia tão terna e desejar um feliz domingo das mães pra vc!bjs,
Tucha disse…
Gostei do poema, gostoso e ritmado como a alegria do balanço. Aproveitem a primavera.
LUCONI disse…
Querida amiga das terras de meu pai, estou mais uma vez tentando recomeçar, estava saudosa desta tua bela casa sempre recheada de excelentes textos, este balançar, lembra-me as minhas crianças pequenas, tão bom era, beijos Luconi
Edna Lima disse…
E no vai e vem deste balanço,a vida vai girando.
Em alegres dias infantis, e o carinho da mamãe.
Beijos. Edna.
Querida amiga

Não sei o motivo,
mas sempre
que vejo um balanço,
sinto nascer
da simplicidade
do brincar,
uma singela
e perfeita expressão
de liberdade.

Tudo é possível
quando se tem um sonho.
Bergilde, querida amiga
Embora com um certo (GRANDE!) atraso desejo que seu Dia das Mães tenha sido muito feliz.
Estava convencida que tinha passado por cá no dia 11, exactamente para desejar um feliz Dia, mas não vejo o meu comentário no post anterior...Talvez você se tenha esquecido de publicar...

Que bom poder vivenciar esses momentos de início de Primavera!
É sempre benéfico o convívio entre pessoas que se amam.

Bom fim de semana. Beijinhos