Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2015

Tocando as emoções

Sabemos que a música nos ensina a liberar todo o nosso potencial criativo, a manifestar tensões e exprimir as nossas emoções,percebendo-as e transformando-as.É difícil porém mesmo para um adulto exprimir plenamente as próprias emoções muitas vezes confusas,contraditórias e quase sempre complexas.Imaginem para uma criança que ainda não possui uma linguagem verbal e emocional desenvolvida.Assim,entram em jogo outras formas de expressão não linguísticas,dentre as quais a música,assumindo um papel de muito valor.Todas as propriedades do som(tom,timbre,ritmo,tempo,estrutura) conseguem transmitir mensagens profundas de natureza emocional.Além,é claro, de uma estreita conexão que existe entre música e as emoções. Entender apenas não serve porque o importante é exprimir!
Tão logo um bebê descobre que é capaz de fazer vocalizações e gorjeios,começa a se exibir nessa sua especialidade,gozando até o fim do prazer de poder se exprimir. Quando consegue segurar alguma coisa com as próprias mãos,usa …

É plantando bem que se ...

Conhece aquele pensamento que diz mais ou menos que não se deve somente buscar a beleza exterior,mas aquela interior?Acrescento:a beleza internamente na própria família.Sim,é na família que se pode ser você mesmo,ao menos deveria.E,quando não se cria esta relação empática dentro de casa, se arrisca de repetir e reforçar o paradigma das aparências tão comum e disseminado na sociedade moderna,sobretudo pelos meios de comunicação e interação virtual. Na fachada as pessoas são todas bonitas,inteligentes,sem problemas,vivendo uma vida perfeita, apontando erros e defeitos continuamente nos outros. Existe uma grande diferença em se mostrar belo,bondoso e,no âmago do próprio ser,desejá-lo e revelar de fato com o comportamento aquilo que se diz .Ninguém como a própria mãe,o próprio pai pra conhecer melhor seu filho(a),entretanto,até que ponto isto ocorre realmente?Será que os pais sabem 100% a verdade sobre seus filhos?Será que estão prontos ou dispostos a sabê-lo?Enquanto se é criança sim,tod…