Pular para o conteúdo principal

O Dom de Ser Mãe

Mãe é a presença mais certa na vida da gente,dando-nos aquela fortaleza carregada de muitos significados,deixando sempre marcas e recordações indeléveis...Melhor ainda quando são doces e afetuosas,sensações,odores,cores,palavras, olhares,enfim,mãe que é "Mãe" pode nos entender muitas vezes até melhor que nós mesmos.
Desse modo,longe de mim querer aqui julgar ninguém pois,cada um de nós carrega consigo uma história de vida,está inserido dentro de um contexto familiar que é só seu,possuindo por outro lado uma afetividade com raízes profundas que podem até ser parecidas culturalmente,mas que nem sempre revelam como base o verdadeiro amor.
Logo,há quem escolha a carreira profissional como maior aspiração de vida,há quem considera filhos como obstáculos ao sucesso,há quem é convencido de que não possui a vocação para a família e quem transfere para o trabalho por vezes exarcebado a dor de um relacionamento inexistente ou que lhe tenha de algum modo causado muito sofrimento no passado e tantos outros casos e justificativas que se podem dar ao fato de optar por não gerar e ou criar filhos.
Todavia,ser mãe não é apenas uma questão de relógio biológico porque um filho não é um mimo,um status symbol,mas merece ser considerado como fruto de um projeto de amor.Não basta dizer "quero ser mãe" e pronto! Ainda que hoje em dia existam tantos recursos científicos possibilitando a mulher de fazer escolhas solitárias neste sentido,é necessário se colocar igualmente no lugar do filho,ou seja,a figura paterna deveria sempre estar presente e consciente das próprias responsabilidades.
Há situações em que o projeto de Deus para a mulher é diferente do de construir uma família,porém se pode sempre ser mãe de diversas maneiras e viver experiências maternas únicas,como quem opta pela adoção seja ela temporária,definitiva ou mesmo à distância de uma ou até mais crianças,serviço e ajuda a quem está necessitado...São tantos os meios em que se pode demonstrar ativamente o próprio lado materno e todos requerem grandes provas de amor e sacrifício.
Enfim,às vezes penso que a maternidade signifique também isto de compreender um pouco mais do outro indo além das aparências imediatas que só confundem,mas sentir verdadeiramente com o coração e assim,toda e qualquer fadiga passa a ser cancelada através desta missão única e incomparável de Ser Mãe!
        

Comentários

✿ chica disse…
Ser mãe é um presente do Alto e nos oferece momentos de tooooooooooooodos os tipos;preocupações, alegrias, amor, muito amor, tantos são e sempre fazem crescer a alegria por ter tido filhos! Claro, nem sempre é fácil, mas isso está no "pacote"...

Há quem opte por não ser mãe. Questão de escolhas e cda um sabe o melhor pra si!

Aproveito pra te desejar desde já um lindo e feliz dia das mães que festejaremos no domingo! bjs, chica
Mona Lisa disse…
Ser Mãe é assumir de Deus o dom da criação, da doação e do amor incondicional.

Beijinhos.
Mariazita disse…
Como vou passar o final-de-semana em casa da minha filhota esta passagem é rápida como o voo duma andorinha …
A Mulher que não é Mãe… é filha… portanto, tem ou teve Mãe.
Por isso tem sempre motivo para festejar o DIA DAS MÃES.
Desejo que o seu seja muito feliz junto de sua linda família.

Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS